Manuel Alegre
"Não serei candidato em nome de nenhum partido. Serei candidato por Portugal "

Home
Notícias
EditoriaisCandidato
Biografia
Bibliografia
Antologia Política
Opinião
Discurso Directo
Discurso Indirecto
Pontos de Vista
Campanha
Agenda
No terreno
Sondagens
Estrutura
Apoiantes
Financiamento
Galeria de Arte
Links
Downloads

Crónica de Beja Santos
Manuel Alegre e os poemas de guerra
[Gazeta das Caldas, 03.01.2010]
"Devem-se a Manuel Alegre os melhores poemas que até hoje se publicaram sobre a guerra de África" escreve Beja Santos em crónica intitulada "Gazeta das Caldas" e publicada no dia de Natal.

AQUI
A propósito da antologia de poemas de guerra "Nambuangongo meu amor", de 2008, Beja Santos diz que os poemas de Manuel Alegre "são património da literatura portuguesa, eloquente testemunho político, livro de cabeceira dos combatentes. Daí a sua universalidade".

"Alegre gravou no verbo o que guardamos no coração", diz ainda Beja Santos, que conclui:"Não é por acaso que ele é um poeta formidável e destemido."

[outras Notícias] ++