inclusão de arquivo javascript

Esportes

 
 

FMF, enfim, divulga a tabela do Mineiro de 2006

16 de dezembro de 2005 15h53

Com quase um mês de atraso, a Federação Mineira de Futebol (FMF) divulgou, na quinta-feira à noite, a tabela do Campeonato Estadual de 2006.

O torneio, que a princípio estava marcado para começar dia 22 de janeiro, terá um jogo da primeira rodada no dia 18, o confronto entre Villa Nova e Ituiutaba.

No dia 22, a rodada inicial se completará com os confrontos entre Esporte Clube Democrata (Governador Valadares) e Cruzeiro, Atlético e Caldense, Ipatinga e Uberlândia, URT e Democrata Futebol Clube (Sete Lagoas), Villa Nova e Guarani, e Ituitaba e América.

A tabela, que, segundo prevê o Estatuto do Torcedor, deveria ter sido divulgada 60 dias antes do início do campeonato, estava atrasada, de acordo com o presidente da FMF, Paulo Schettino, porque o diretor técnico da Federação, Edimar Francisco, estava doente.

Na última quinta-feira, além do anúncio da tabela foi confirmada também a disputa do Torneio Início, que será realizado no dia 15 de janeiro, com a presença obrigatória de todas as equipes. O Campeonato Mineiro acontecerá entre os dias 18 de janeiro e 9 de abril de 2006.

Caldense

Além das reclamações pelo atraso da tabela do Campeonato Mineiro de 2006, alguns clubes do interior do estado ganharam outros motivos para críticas.

O presidente da Caldense, Alberto Mareco, ficou extremamente insatisfeito com a marcação dos jogos iniciais do clube no Estadual. Segundo ele, o time de Poços de Caldas foi prejudicado ao ter de jogar cinco das sete primeiras partidas fora de casa.

"A Caldense está sendo prejudicada na tabela. Em 2005, das cinco partidas iniciais, quatro a gente jogou fora de casa. E o mesmo pode acontecer neste ano. O futebol do Sul de Minas não está sendo respeitado", declarou o dirigente, que informou já ter solicitado à FMF uma mudança na tabela do Estadual.

"Solicitamos ao assessor da FMF inverter o mando de campo com a URT (partida do dia 12 de fevereiro). Ele ficou de ver o que foi feito de errado", declarou Alberto Mareco, em entrevista à Rádio Itatiaia.

Outros clubes também se mostraram insatisfeitos, desta vez não com a tabela mas com a realização do Torneio Início.

Clubes do interior de Minas, como o Uberlândia, que ganhou o direito de disputar a competição em 2006, depois de ser o vice-campeão do Módulo 2 do Mineiro em 2005, alegam que não têm condições financeiras de viajar à capital mineira para disputar jogos sem validade.

Lancepress!