Notícias Câmara Brasil Portugal   
  Menu Principal
Apresentação
Estatuto
Diretoria
Sócios
Serviços
Agenda
Galeria de Fotos
Arquivos
Associe-se
Sala de Imprensa
Links úteis
Oportunidades e Negócios

Português pode ser língua oficial na ONU
14/12/2005
 
Já conta com 16 mil assinaturas a petição para tornar a língua portuguesa idioma oficial na Organização das Nações Unidas (ONU). O texto, de autoria do Elos Clube Internacional da Comunidade Lusíada, fundamenta a solicitação apresentando dados que ressaltam a importância, para o mundo, do idioma português, falado por mais de 250 milhões de pessoas. Trata-se da 5ª língua mais falada no mundo em números absolutos e da 3ª entre as consideradas línguas universais de cultura. O português é ainda um dos 4 idiomas falados nos seis continentes que compõem o globo.

Para a oficialização do idioma português na ONU, o presidente da Câmara Brasil-Portugal no Ceará, Rômulo Alexandre Soares, ressalta o posicionamento do Brasil nas relações internacionais. "A língua portuguesa é um patrimônio comum a oito países, mas o Brasil é o principal estado nesse processo que recria a língua e justifica a petição dirigida à ONU, tendo em conta o seu contingente populacional e sua emergência como potência do século XXI. O idioma, sobretudo pelo Brasil, mas também pela presença bem distribuída pelo mundo tem toda a legitimidade de vir a se tornar língua oficial da ONU", afirma.

O Brasil está em destaque no texto da petição, sendo citado como o país com maior população de língua portuguesa, com 180 milhões de habitantes, sendo "uma das maiores economias do mundo, líder do MERCOSUL". Além do Brasil e de Portugal (10 milhões) também falam o idioma: Angola (11 milhões); Moçambique (17 milhões); Cabo Verde (417 mil habitantes); Guiné Bissau (1 milhão); São Tomé e Príncipe (130 mil) e Timor-Leste (175 mil).

Uma das conseqüências da oficialização da língua portuguesa pela ONU é o acesso às informações da Organização, potencializado pela web. "Certamente a internet poderá ser um grande aliado para que o português possa ser língua oficial, ainda que em passos gradativos, por exemplo, começando pelo site da ONU, possibilitando às populações dos países de língua portuguesa acessarem o conteúdo na língua de Fernando Pessoa", comenta Soares. Atualmente, são reconhecidos como idiomas da ONU: árabe, chinês, espanhol, francês, inglês e russo.

Português no comércio internacional

A tendência da universalização da língua portuguesa pode trazer benefícios não só na cultura, bem como no comércio internacional. Segundo o presidente da CBP-CE, a aceitação do português como língua oficial reduz custos para o setor privado, eliminando a necessidade de traduções. Com isso pode haver um estímulo à atuação dos países de língua portuguesa no mercado internacional.

Para reforçar o crescente reconhecimento mundial à língua portuguesa, Soares cita algumas iniciativas significativas, como a adoção do idioma por um banco espanhol, tendo em conta a estratégia ibéro-americana e a importância desse mercado, bem como o ano do Brasil na França, acompanhado da corrida dos franceses aos cursos de língua portuguesa. Outro exemplo foi a FIFA (Federação Internacional Futebol) que, na semana passada, lançou a versão em português do seu portal na internet.

Encaminhamento

Segundo o vice-presidente Continental para a Europa do Elos Clube Internacional, José Guedes de Campos, quando for alcançada a marca de 20 mil assinaturas, a petição será entregue ao Presidente da República de Portugal, ao secretário-geral da ONU, Kofi Annan, e à Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) para ser distribuída por cada um dos estados-membros. A informação está publicada em matéria do site Portugal Diário (http://www.portugaldiario.iol.pt/noticia.php?div_id=291&id;=611263).

A petição foi proposta e aprovada por unanimidade na Convenção do Elos Clube Internacional da Comunidade Lusíada, realizada de 21 a 23 de Outubro, em Tavira, ao sul de Portugal. Para conhecer o texto da petição na íntegra e votar basta acessar o link: http://www.petitiononline.com/AB5555/petition.html. Fonte: CBP-CE
 
Outras Notícias Publicadas  
07/01/2009 - Operadora de telefonia Vivo é nova sócia da CBP-CE
07/01/2009 - CIN/CE abre inscrições para curso de Contratos Internacionais
07/01/2009 - Embaixador brasileiro acredita na incorporação rápida do Acordo Ortográf...
07/01/2009 - BrOffice sai na frente e "fura" Microsoft na adaptação à reforma ortográ...
07/01/2009 - Calçado luso terá em 2009 sua maior promoção no exterior
07/01/2009 - Centro Nacional de Cultura português atribui bolsas de criação literária
06/01/2009 - Presidente da Câmara Brasil Portugal no Ceará dá as Boas Vindas a 2009
17/12/2008 - Tozzini Freire Advogados é novo sócio da Câmara
17/12/2008 - Hotéis parceiros da CBP-CE prometem Réveillon de sucesso em Fortaleza
17/12/2008 - Ministro Luís Amado amplia jurisdição do Consulado de Portugal em Fortal...
17/12/2008 - II Congresso Tecnológico InfoBrasil inicia chamada de trabalhos
17/12/2008 - Governo português aumenta capital da Caixa Geral de Depósitos em 1 bilhã...
17/12/2008 - Países da CPLP esperados no 13º Encontro Internacional de Negócios do N...
Todas as Notícias
Recomende esse texto a alguém
Seu Nome:
Seu e-mail:
Destinatário
Nome:
e-mail:
 
 
 
 
    Publicidade
  Av. Barão de Studart, 1980 2º Andar - Ed. Casa da Indústria - FIEC
Cep: 60.120-001 - Fortaleza - Ceará - Brasil
Fone: +55 85-3261.7423 - Fax: +55 85-3261.7423
E-mail - Secretaria Executiva:secretariace@brasilportugal.org.br