O DIA ONLINE - ir para a capa
O DIA ONLINE - ir para a capa
02.11.09 às 01h10 > Atualizado em 03.11.09 às 09h40
Vote nessa notícia vote_noticia

Três atrizes para viver Bruna Surfistinha no cinema e no teatro

POR GUILHERME SCARPA, RIO DE JANEIRO

Rio - O doce veneno de Bruna Surfistinha — ex-prostituta que entrou para a lista dos best-sellers — ainda não foi totalmente derramado. Cinco anos após vender mais de 200 mil exemplares com o livro ‘O Doce Veneno do Escorpião’, a trajetória da moça que fugiu de casa para ser profissional do sexo vai parar no cinema e no teatro, envolta em polêmica.

Na versão para o teatro, a peça será dirigida por Rubens Ewald Filho e tem incentivo do Ministério da Cultura: a montagem entrou na Lei Rouanet e vai captar, via renúncia fiscal, R$ 2 milhões para sua produção. A ex-prostituta será dividida por Thalita Lippi e Ellen Roche, ainda não confirmada. “Fiz uma leitura a pedido do Rubens e rolou. Eu serei a Raquel e a outra atriz, a Bruna”, conta Thalita, radiante.

Thalita e Ellen vão viver Raquel no teatro; Deborah no cinema | Foto: Divulgação

Com o mesmo nome do livro, o filme terá Deborah Secco na pele de Raquel Pacheco, nome verdadeiro da ex-prostituta, e direção do estreante em longas Marcus Baldini. “O filme tem potencial por causa do sucesso do livro. Temos uma atriz maravilhosa, que é a mulher mais sexy do Brasil”, acredita Rodrigo Letier, que produz o filme com Roberto Berliner, através da TV Zero. “O Marcus comprou os direitos do livro e chamamos três roteiristas para adaptá-lo”, explica Letier, que queria Deborah Secco desde o início do projeto. “Ela é muito profissional, faz da garotinha até a safada muito bem”, elogia.

A filmagem do longa começou mês passado em Paulínia (SP), com pitacos da dona da história. “Bruna é parceira, tranquila. Lemos o roteiro e ela fez observações. Ela fará aparição ‘hitchcockiana’”, adianta Letier, em referência ao diretor Alfred Hitchcock, famoso por fazer figuração nos próprios filmes.

Cássio Gabus Mendes viverá um cliente que tenta convencê-la a abandonar a vida dura. “Meu papel é inspirado no marido da Bruna. Eles se envolvem”, conta Cássio, frisando que os personagens são apenas inspirados nos da vida real.

 
 
 

> Mais promoções