Universo HQ PEANUTS COMPLETO - 1950 a 1952 - DE R$ 68,00 POR R$ 54,40 Universo HQ no Twitter
Reviews de Quadrinhos
 



Dois Super Heróis Shell - Capitão Z # 0Título: DOIS SUPER HERÓIS SHELL - CAPITÃO Z # 0 (Ebal) - Revista mensal

Autores: Capitão América - Stan Lee & Jack Kirby (história e desenhos);

Homem de Ferro - Stan Lee (primeira história), Al Hartley (segunda história) & Don Heck (desenhos).

Preço: Sem preço, na época era distribuída exclusivamente nos postos de gasolina Shell.

Número de páginas: 48

Data de lançamento: 1967

Sinopse: Capitão América - Para que o tirano não triunfe, um recordatório informa ao leitor acontecimentos de um passado recente. o Capitão América e Buck foram capturados pelo Caveira (Caveira Vermelha). Dopado o Sentinela da Liberdade perde sua vontade própria e é incumbido de exterminar o alto-comando das forças aliadas.

O bem contra o mal. Dessa forma simples é mostrado o confronto entre o Caveira e Capitão América. Ainda participam da história, como coadjuvantes, Bucky e Adolf Hitler!

Na aventura seguinte, o Homem de Ferro está às voltas com um triângulo amoroso: Pimentinha, Felisberto e Tony Stark. Enquanto isso o Conde Nefarius desenvolve uma nova máquina, que lhe dará o poder supremo. O vilão assume a alcunha de Visionário e elege o Homem de Ferro como sua primeira vitima.

Sem saber que tudo se trata de um ardil do Visionário, o Homem de Ferro enfrenta o Unicórnio, o Dínamo Fantástico (Dínamo Escarlate), o Congelador e Gargantus. Tudo isso enquanto recarrega sua armadura e tenta equacionar seus problemas amorosos.

A segunda história do vingador dourado começa com uma singela pergunta: o herói ficou ruim da cachola? Morgan, um obscuro e invejoso primo do Tony Stark se alia ao Conde Nefarius (ele voltou).

O plano é convencer a todos que Stark perdeu a sanidade, interditar o multimilionário e fazer com que Morgan assuma a fortuna do primo. Enquanto isso, a volúvel Pimentinha, sofre por amar Tony e odiar o Homem de Ferro.

Positivo/Negativo: Aproveitando o sucesso do programa de TV no qual eram exibidos os desenhos animados (ou quase) Super-Heróis Shell, a Editora Brasil-América (Ebal) lançou Capitão Z, uma revista com os heróis "da onda".

Os raríssimos números zero, saíram com o subtítulo Super-Heróis Shell e foram distribuídos nos postos de gasolina da marca, que era a principal patrocinadora dos desenhos animados na telinha.

Na segunda e terceira capa há biografias do Capitão América e do Homem de Ferro. Para o primeiro há, inclusive, uma informação para os leitores sobre diferenças cronológicas entre o desenho animado e a HQ.

As histórias não são sensacionais, mas também não chegam a comprometer. Além disso, qualquer material desenhado por Jack Kirby merece ser lido. Aqui, o "Rei" está maravilhoso, tanto nas cenas estáticas que mostram campos de concentração, quanto nas mais movimentadas, seu ponto forte.

O leitor atento perceberá algumas diferenças no desenho do Kirby, a arte está mais caricata. Pode-se perceber ainda algumas cenas com visual mais arrojado, com muitas linhas curvas. Isso se evidencia na arma tecnofuturista que surge na segunda parte da história, esses artefatos/equipamentos viriam a ser a marca registrada do artista na famosa série do Sr. Milagre, que ele desenharia alguns anos depois para a DC.

As histórias dessa revista, bem como todas as outras número zero dos Super-Heróis Shell, foram republicadas pela Ebal no Almanaque de Super-Heróis, de 1969.

Classificação: - Gilberto M. M. Santos

 

|| QUADRINHOS | CINEMA | E-MAIL | BOLETIM | LOJA | PUBLICIDADE ||

© 2003, Universo HQ