#CTRSeropédica

  • Enviar por e-mail
  • A+
  • A-

 

O Centro de Tratamento de Resíduos de Seropédica, um dos mais modernos da América Latina, recebe diariamente 10 mil toneladas de resíduos coletados em toda a cidade. O material é então separado, classificado e pesado para depois seguir até seu destino final, onde o que não pode ser reciclado é coberto com argila. Seguindo padrões de qualidade internacional, esta etapa deve ser feita em menos de 24 horas para evitar mau cheiro e proliferação de vetores, como ratos e insetos.

Aliando alta tecnologia e cuidado redobrado com o meio ambiente, o CTR possui tripla camada de impermeabilização, com mantas de polietileno e um sistema de sensores no solo, que detectam qualquer tipo de vazamento, facilitando a resolução do problema.

Procurando aproveitar ao máximo o material coletado, estão previstas a construção de usinas de tratamento de chorume e de biogás. A primeira vai transformar o líquido resultante da decomposição do lixo na chamada água de reuso que, apesar de não ser potável, pode ser utilizada no próprio CTR para lavagem de veículos, jardinagem e umidificação das pistas.

A usina de biogás vai tratar um dos principais causadores do efeito estufa. Composto por 50% de gás metano, ele poderá ser transformado em combustível ou gerar energia. O sistema será completado por sete estações de transferência, além da Estação de Transferência de Jacarepaguá, já em funcionamento.

  • Enviar por e-mail
  • A+
  • A-