// lendo...

Vídeo

10 anos sem Milton Santos

Dica do Guilherme (Cuesta).


Milton Santos foi um dos intelectuais mais importantes do Brasil e também foi nosso maior geógrafo. Escreveu mais de 40 livros. Publicou seu trabalho na França, na Inglaterra, nos Estados Unidos, no Canadá, no Japão, em Portugal e na Espanha. Deu aula nas principais universidades do mundo. Recebeu prêmios e foi o único pensador, fora do mundo anglo-saxão, a ganhar o Vautrim Lud, uma espécie de Nobel da Geografia. Durante toda a sua vida acadêmica, Milton Santos buscou agregar à Geografia as contribuições de outras disciplinas: Economia, Sociologia, História, Filosofia. Nos últimos anos de vida, seu trabalho mostrava uma clara preocupação com a Globalização. Crítico dos processos econômicos que excluíam as nações mais pobres, Milton Santos acreditava num mundo mais humano, mais solidário e justo. Participam deste programa a professora da UFBA Maria Auxiliadora da Silva, o cineasta Silvio Tendler e o professor Pedro Cunca Bocayuva” (fonte).

Mais informações em De lá pra cá.

Discussion

4 Responses to “10 anos sem Milton Santos”

  1. Quanto orgulho de ser brasileiro e de ter cursado geografia na universidade de SP. Eu estava lá quando ele se foi. O sopro de Milton Santos ainda me parece maravilhosamente eterno.

    Posted by Xoquito | 20 de agosto de 2011, 3:05
    • Eu estava cursando geografia na UFMG quando Milton Santos morreu. Lembro de uma nota de falecimento fixada no mural de recados, mas não tinha noção do que tinha acontecido. Tempos depois fui começar a entender o que tínhamos perdido. Aliás, cada vez que leio um texto “novo” dele, a sensação de perda cresce mais um pouco. Fazer o quê? É a vida e temos que leva-la adiante. Simbora!

      Posted by Canta Cantos | 22 de agosto de 2011, 14:20
  2. Curso Licenciatura em pedagogia e tenho estudado em várias disciplinas sobre Milton Santos. É uma pena que a maioria dos basileiro nem saiba de quem se trata, pois ele foi e ainda é um exemplo pra todos nós, no que tange à geografia, a humildade e cultura.
    Salve Milton Santos!

    Posted by Evelin | 3 de setembro de 2011, 15:41
  3. Recentemente perdemos Berta Becker na UFRJ. Também foi uma prodigiosa de nosso tempo. Certamente fazem falta (ambos), porém, nos cabe a missão de dar prosseguimento a construção de um saber geográfico para o mundo

    Posted by Flávio Batista Freixo | 28 de setembro de 2013, 13:19

Post a comment

Twitter

Follow me on ResearchGate