Chapecoense perde para o Grêmio e se afunda no Z4 Félix Zucco/Agencia RBS

Além de perder o jogo na Arena do Grêmio o lateral Bruno Pacheco levou amarelo e está fora do jogo contra o Sport

Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

A Chapecoense perdeu por 2 a 0 para o Grêmio neste domingo, em Porto Alegre, caiu uma posição na tabela, ao ser ultrapassado pelo América, e vê diminuírem as chances de escapar do rebaixamento. Com 37 pontos vai precisar pelo menos de duas vitórias em três jogos, contra Sport e São Paulo em casa e, contra o Corinthians, fora.

A Chapecoense foi para o Rio Grande do Sul tentando surpreender o Grêmio mas acabou “engolido” pelo tricolor no primeiro tempo. Foi praticamente ataque contra defesa. Aos oito minutos Jean Pyerre cobrou falta e Jandrei defendeu. Depois o goleiro segurou um chute de longe de Everton. Em seguida Geromel cabeceou com perigo. Aos 21 minutos, o ensaio do gol do Grêmio: Alisson cobrou falta e André cabeceou por cima. Três minutos depois Alisson cobrou falta e desta vez Cícero acertou o cabeceio sem chances para Jandrei. 

Um minuto depois o Grêmio teve um gol anulado, por impedimento. Teve ainda um chute de Jean Pyerre por cima e mais uma defesa de Jandrei em chute de Everton.

A Chapecoense pouco passou do meio. Teve um chute fraco de Bruno Pacheco que Paulo Victor defendeu com facilidade, um chute longe do gol de Leandro Pereira, e outro chute para fora de Doffo. E foi só.

- A gente sabia que o time do Grêmio é um time qualificado, que seria um jogo difícil, mas acho que falta um pouco de atitude para tentar um lance a mais. Além disso no lance do Grêmio não existiu a falta – reclamou Leandro Pereira, no intervalo.

No segundo tempo o Grêmio seguiu pressionando. Em 26 minutos Jandrei defendeu dois chutes de Everton, um de Cícero, um de Alisson e um de Jean Pyerre. Enquanto isso seu colega Paulo Victor fez apenas uma defesa, em chute de Wellington Paulista.

Mas aos 29 minutos Everton foi lançado por Jael e desta vez conseguiu dar um toque desviando do goleiro da Chapecoense para marcar 2 a 0.

O time catarinense ainda teve uma boa chance de marcar em chute de Bruno Silva, que acertou a trave. Ele tentou outra vez, mas não acertou o gol. Mais uma vez a Chapecoense não mostrou força para buscar o resultado.

Na próxima quinta-feira a Chapecoense encara o Sport, na Arena Condá, numa espécie de final já que o adversário tem apenas um ponto a mais do que os catarinenses. As chances diminuíram. Mas ainda há esperança.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO-2: Paulo Victor, Léo Moura, Geromel, Marcelo Oliveira e Bruno Cortez; Michel, Cícero e Jean Pyerre (Douglas); Alisson, Everton (Marinho) e André (Jael). Técnico: Renato Gaúcho.

CHAPECOENSE-0: Jandrei, Eduardo, Douglas, Fabrício Bruno e Bruno Pacheco; Elicarlos (Bruno Silva), Márcio Araújo e Canteros (Barreto); Doffo (Capixaba), Leandro Pereira e Wellington Paulista. Técnico: Claudinei Oliveira.

Gols: Cícero (G), aos 24 minutos do primeiro tempo. Everton (G), aos 29 do segundo tempo.

Arbitragem: Leandro Bizzio Marinho, auxiliado por Daniel Luís Marques e Daniel Paulo Ziolli (trio de SP)

Cartões amarelos: André, Marcelo Oliveira (G); Canteros, Bruno Pacheco (C).

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre

Público:

Renda:

Leia mais notícias sobre a Chapecoense

 Veja também
 
 Comente essa história